terça-feira, 25 de novembro de 2008

Indefinido

Já não se sente mais tão melhor assim do que antes. Já não se sente a melhor. Não se consegue mais ver aquele orgulho nos olhos de quem sempre viu. A impotência toma conta, a sensação de burrice, não sei se essa era a palavra certa. Ao ver coisas antes nunca vistas acontecendo, sente como se tudo estivesse passando despercebido. Não é drama, não. São as sensações, são os medos que às vezes dá vontade de pôr pra fora. Não sei se é o certo, mas é indefidido.

2 comentários:

Mateus Orio disse...

Indefinido também é o meu pensamento em relação a isso.
E se tratando que o assunto foi indefinido posso pensar qualquer coisa.
Tem coisas que a gente se torna o melhor com trabalho duro. Tem umas coisas que a gente sempre foi o melhor, melhor que alguém. E às vezes continuamos sempre a ser melhor que este alguém naquele quesito. Só que muitas vezes percebemos que o mundo é maior do que a gente achava que era e que agora não somos mais 'o melhor'. Tudo isso são comparações. Você pode ser o melhor entre trinta pessoas ou o melhor entre duas. Alguém é o melhor do mundo, mas talvez não precise saber que é. Cada um devia ser o melhor pra si.

Lisbelisa. disse...

Dias e Dias. Ora isto,ora aquilo. Seja você, mesmo que ainda não tenha encontrado aquilo que está indefinido, mesmo que não precise ser o certo também. Dias após dias. Ora isto, ora aquilo.