quarta-feira, 1 de julho de 2009

Meninas são tão diferentes dos meninos. Porém, falar das meninas para mim, é um tanto mais fácil.
Meninas são simples e conseguem ser muito complexas. São invejosas, falsas, calculistas e frias... Mas só quando isso lhes convém. Gosto de pensar no outro lado delas. Imagino o quanto o sorriso das meninas pode fazer bem a alguém. Podem ser muitos sorrisos, ou o sorriso de uma só menina. Não precisa ter uma idade certa para ser menina, só basta ter nascido assim.
Assim tão frágil, tão forte, tão complicada, tão confusa, tão culpada, tão sorridente, tão chorona, tão esperta, tão bailarina, tão jogadora de futebol, tão loira, tão morena, tão ruiva. Pode ser de uma cor só, ou de várias cores. Pode ser durona, mas sempre tem um grande coração. Grande coração, isto mesmo, é uma das maiores qualidades das meninas. As meninas sabem o que querem, mesmo antes de descobrirem isso. Meninas são determinadas, persistentes, preguiçosas, ativas, loucas, bobas, apaixonadas. Há sempre alguma paixão. Pode ser por um livro, por um filme, por uma pessoa, por uma estrela, por uma árvore, por uma flor ou por um animal. Elas podem não demonstrar sempre os seus sentimentos, e têm um motivo para isso. Elas querem que você descubra o segredo que está escondido diariamente por trás do olhar. Pode ser que não seja só um segredo, ou talvez não seja um segredo o que esteja transmitindo... Mas, eu garanto a você, elas ainda sim vão querer que você o descubra. Todas as meninas são diferentes, algumas com valores parecidos, mas diferentes. Meninas são tão dependentes! Dependem primeiramente delas mesmas... Isso não é independência? Não. Porque para que ela dependa apenas dela, ela já dependeu de outras coisas. Confuso? Sim, elas são meninas.

9 comentários:

Ana Clara disse...

Você descreveu bem, tá aí a resposta pra o que eles perguntam. Mas acho que entender mesmo ninguém entende, nem nós mesmas.
E descobrir é sempre importante, na maioria das vezes eles descobrem quando menos esperam...ou não. Hiueiuh.
:*

Lisbelisa. disse...

"Garotos não resistem
Aos seus mistérios
Garotos nunca dizem não"..
Será que nunca dizem não? E Será que são tão diferentes assim?
Acredito no sentimentalismo dos homens também, mesmo que pareça algo novo para nós e se nos julgamos tãao diferentes( como choronas, bobas, sentimentais) contribuímos para o aumento do machismo deles.
Legal..eu nunca tinha parado para pensar em nossa diferença psicológica quanto aos garotos tão intensamente, mas como garota acredito em nossa capacidade de conquistá-los e mostrá-los o nosso verdadeiro lado mesmo quando ( como choronas, bobas, sentimentais), apesar de que dificilmente eles estejam aptos a querer ver ou conhecer.
É como eu te disse esses dias..Só de adicionarmos um garoto no msn ou então falarmos Oi e sermos simpáticas e educadas eles já pensam que é uma cantada ou algo assim..
A diferença é essa(o equívoco)..Nós sabemos quando eles fazem cantadas, mas eles nunca sabem verdadeiramente das nossas, eles só se equivocam..
Nada de genrealização ein, é só uma constatação!
Beijo! ;)

Neto disse...

Meninas são voluveis.
Ora amam (e não vivem ser o amor), ora ignoram (e passam por cima).
O Ser humano é assim, age por conveniência.
Todos nos equivocamos.

Nada de genrealização ein, é só uma constatação!
Bjo cumadi's

Lorenzo Tozzi disse...

a mulher é o homem numa versão aprofundada.

vocês sentem mais, pensam mais, encantam mais, se arrumam mais, atraem mais etc.

não é elogio, é constatação. empírica. :)

Lorenzo Tozzi disse...

sim! você tem razão! desculpe-me se pareceu que eu generalizei, pois não foi a intenção. acredito, como você, que o amor está aí, apenas sendo visto com miopia pela maioria das pessoas.

o amor é fundamental para tudo nas relações humanas, para muito além das de um casal.

mais uma vez, você está certíssima. um beijo!

Lorenzo Tozzi disse...

a intenção foi exatamente essa que você captou.

dependendo do assunto, falar com palavras cruas acaba desmerecendo o próprio assunto.

passe sempre, sim! estou sempre de olho no seu, anyway. :)

um beijo!

' mel disse...

"meninas são bruxas e fadas ..." ah Isa, que lindo seu texto. Muito bom mesmo. E nos diz o que as vezes nós mesmas não sabemos dizer, e descreve bem todas nós. Somos todas diferentes, mais anossa essência deve ser essa "amor, sensibilidade, dependência, carinho ...".

Mateus Orio disse...

"Invejosas, falsas, calculistas e frias. Apaixonadas, choronas, espertas, bailarinas, determinadas, persistentes, preguiçosas, ativas, loucas, bobas. E são todas diferentes umas das outras."
Então o que elas têm em comum é que todas são meninas.
"Elas querem que você descubra o segredo que está escondido diariamente por trás do olhar."
São misteriosas também então.
Meninos podem ser tudo isso, bastaria trocar alguns 'a's por 'o's. Talvez menos bailarinos e menos apaixonados. Mas são também invejosos, falsos, frios, chorões, calculistas, espertos, determinados, persistentes, ativos, loucos, bobos e até mesmo bailarinos apaixonados, mas à sua maneira e por isso são igualmente misteriosos, só que de tão misteriosos parece que nem são e pensam que de não espertos são bobos e de não chorões são frios, mas dizer isso é ignorar o mistério.
E dizer que todos os homens são iguais? - Que coisa mais tosca, assim como as meninas os meninos são todos diferentes ué. Mas meninos não são meninas, eles são tudo isso, mas constituem uma unidade que os diferencia das meninas: eles são meninos; agem, pensam, falam como meninos, comem, jogam bola, choram e fingem chorar da maneira dos meninos, é só isso.
Lindo texto.

Mateus Orio disse...

A diferença está na maneira, quando se soltar, quando se conter. E mesmo a experiência de saber quando fazer isso é diferente.
Eu como defensor dos meninos só digo que não somos tão bobos e insensíveis quanto insistem em dizer.